23 de fevereiro de 2012

Eu não quero mais ser evangélico!

A moda é escravizadora. Ela impõe sobre nós padrões de conduta e valores que não podemos questionar, com o risco de sermos discriminados e até mesmo achincalhados por causa disso. A moda é ditatorial e opressora em todas as suas manifestações.
Evidente que a Igreja de Cristo não ficaria livre da influência desta besta de sete cabeças! Padrões de comportamento, modelos litúrgicos, fórmulas de crescimento de igreja surgem a todo o momento, como o padrão que deve ser seguido. Isso nada mais é do que MODA! Podemos chamá-la de moda evangélica, pois é direcionada para o público gospel. Mas o negócio é o seguinte, todas essas “coisas” evangélicas são muito irritantes e com o tempo se tornam um fardo a ser carregado, tornando o Evangelho de Jesus Cristo em algo estranho, disforme e malcheiroso.
Por isso eu digo que não quero ser evangélico. Prefiro ser cristão e viver a loucura do Evangelho de Cristo. Prefiro viver na contramão deste mundo (até mesmo do mundo gospel). Prefiro ser um eterno inconformado, que muitas vezes não é compreendido, mas vive em paz com a sua própria consciência diante de Deus. Sei que não é fácil viver assim, mas é assim que decido viver. E se você, como eu, também está cansado de ser evangélico, dê o seu grito de liberdade e assuma: EU SOU CRISTÃO! Decidi imitar a Jesus Cristo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário